É proibida a leitura de materiais cristãos

www.portasabertas.com.br - 02/09/2014

Essa é a realidade dos servos do Senhor no Uzbequistão. Quem comete o “crime” de possuir uma Bíblia ou livros cristãos tem a sua casa revistada e tudo que fizer menção a Cristo é confiscado

02_Uzbekistan_0250000111_site.jpgOre pelo irmão Eldar*, membro de uma igreja no Uzbequistão. Na semana passada, Eldar estava em seu apartamento quando três membros das forças de segurança entraram e o obrigaram a deixá-los verificar os cômodos.

De maneira grosseira, eles confiscaram seu computador portátil e dispositivos eletrônicos. Ao encontrarem conteúdo cristão em seu computador, a polícia iniciou um processo contra Eldar. Com base no artigo 241 do Código Penal do Uzbequistão, o acusaram de "armazenamento e distribuição de informação proibida".

A Portas Abertas foi informada da transferência do caso para o Tribunal de Justiça do Estado. Interceda para que Eldar não seja julgado como culpado.

*Nome alterado por motivos de segurança.

FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoAna Luíza Vastag




Cultos