Autoridades indígenas continuam a ameaçar cristãos em Huila

- 02/09/2014

As autoridades indígenas em Huila ameaçam especificamente os líderes cristãos de El Paraíso, igreja localizada na vila Llanobuco. "Se os cristãos se reunirem nos lares, nós vamos destruir suas casas e a escola onde ensinam as crianças", alertaram as autoridades

01_Colombia_site.jpg
No dia 23 de agosto, a guarda indígena entrou na casa de uma família cristã, em busca de documentação do censo indígena mais recente. Os oficiais entregaram uma carta à família que dizia: "Vocês têm que deixar este lugar ou sofrerão as consequências."

Essas ameaças aumentaram o medo dos cristãos da região. Há apenas dois anos, os guardas indígenas destruíram a igreja, a escola e a sala onde as crianças recebiam suas refeições. Por esta razão, os líderes desta comunidade foram deslocados e, atualmente, estão vivendo em uma das casas de abrigo, apoiados pela Portas Abertas.

Ore pela proteção desses irmãos, que o Senhor os fortaleça para que eles possam continuar a se reunir para orar e estudar a Palavra.

FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoAna Luíza Vastag




Cultos